Qual é o número de palavras necessário para falar com fluência?


A resposta não é tão facíl como parece. Quanto a mim, acho que o número de palavras não é uma coisa crucial na aprendizagem duma língua estrangeira. Claro que muitos de nós, entusiastas das línguas, querem aprender o mais possível. Porquê depois simplesmente podemos usar a linguagem mais complexa...sem escrever e falar sempre na mesma maneira, aplicando palavras e expressões parecidas. Todavia, porquê contar...e como fazer tudo isso, finalmente ;)

Há sites onde podemos ver estatísticas ou bem opiniões. Alguns deles dizem que temos de saber o número determinado para adquirirmos o nível apropriado. Um dos problemas – estatísticas são várias. Então, as quais são verdadeiras... ou pelo menos o mais adequadas? O outro – o que é mais importante: o número de palavras ou a “qualidade” deles. É óbvio que alguns de nós sabem o vocabulário complicado, mas têm faltas no este intermédio (às vezes também básico). Cada livro tem diferente catálogo do vocabulário – por conseguinte volúvel dum ao outro.

Além disso, saber apenas o vocabulário não significa que falamos bem. Há gente que não pode construir uma frase ou escrever um texto mais complicado, embora já conheço imensa quantidade das palavras.

E finalmente, o que queremos dizer quando pensamos „fluência“ (talvez deveria ser uma primeira questão). Para uns, isso é falar como um nativo. Para outros, é falar com fluidez, mas não necessariamente saber o vocabulário das todas as áreas da nossa vida.

   O que é que significa para vocês?

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Portugalski, a hiszpański

Parabéns - słówko o wielu obliczach

Jak pisać po portugalsku na komputerze, czyli klawiatura portugalska